Dalai Lama visita o Templo de Lótus na Índia e faz discurso sobre compaixão

 

No último dia 16, o Dalai Lama esteve na Casa de Adoração Bahá'í em Nova Délhi, onde proferiu discurso sobre compaixão e participou do encontro de oração. Sua Santidade foi calorosamente recebida por Nazneen Rowhani, Secretária Geral da Fé Bahá'í na Índia e pelo embaixador Ashok Sajjanhar, Secretário da Fundação Nacional (NFCH). O público contava com estudantes de 14 escolas diferentes em Nova Déli, diplomatas, diretores de escolas, e outros convidados.

Dalai Lama iniciou o discurso falando sobre igualdade: "eu normalmente não gosto de formalidade, porque somos todos iguais mentalmente, emocionalmente e fisicamente. Todos nós temos problemas, no entanto, a educação nos permite visualizar nossos problemas de uma perspectiva mais ampla para que possamos lidar com eles". E direcionando para as crianças na plateia, ele falou sobre o papel delas na construção de um mundo melhor: "vocês são muito importantes para o futuro da humanidade. São a geração do século XXI, em vocês residem a esperança de criar um futuro melhor. E serão ainda os responsáveis pela solução dos problemas criados pela a minha geração”.

Sua Santidade explicou ainda que a violência do século XX surgiu em grande parte devido à mente fechada, quando as pessoas consideram apenas os interesses de seu próprio grupo em vez de enxergar os da humanidade como um todo. Após a palestra, ele participou de uma reunião de orações hindus, muçulmanas, budistas, cristãs e bahá'ís, que foram recitadas em vários idiomas.

fonte: www.bahai.org.br